Planejando uma gravidez? Veja quando começar a tomar vitaminas pré-natais

É essencial que a mulher comece a tomar ácido fólico pelo menos um mês antes de começar a tentar engravidar. Consumir ácido fólico e outras vitaminas pré-natais pode ajudar a reduzir o risco de defeitos congênitos.

vitaminas pré-natais, tipo de gravidezAs vitaminas pré-natais são importantes antes e durante a gravidez. (Fonte: Getty Images)

Da Dra. Rita Bakshi

Ser mãe é uma sensação ótima. A gente sabe que depois do parto a mãe tem muitas responsabilidades, mas a fase do pré-natal também é importante. A saúde do bebê depende da mãe. A preparação para a chegada do bebê realmente começa antes mesmo da concepção. Sim, é verdade!

Consumir uma dieta saudável é sempre uma boa ideia, mas a maioria das dietas, mesmo as melhores, não é capaz de fornecer toda a nutrição necessária para o nascimento do bebê. É aqui que surge a necessidade de vitaminas pré-natais.

As vitaminas pré-natais são suplementos compostos por vitaminas e minerais essenciais que a mãe necessita antes e durante a gravidez. Uma vitamina pré-natal ajuda a preencher as lacunas nutricionais na dieta da futura mãe, pois essas vitaminas são carregadas de ácido fólico, ferro, iodo e cálcio. Essas vitaminas são vitais para o crescimento e desenvolvimento adequados do feto.

Quando se deve começar a tomar vitaminas pré-natais?

É essencial que a mulher comece a tomar ácido fólico pelo menos um mês antes de começar a tentar engravidar. Isso é recomendado porque as primeiras semanas de gravidez são muito cruciais para a saúde do feto, pois é quando o tubo neural do bebê começa a se formar. Consumir ácido fólico e outras vitaminas pré-natais na hora certa pode ajudar a reduzir o risco de defeitos congênitos. Além disso, é essencial que a mãe tome uma vitamina pré-natal após consultar seu médico, pois existem vários e diferentes tipos de vitaminas que visam problemas diferentes.

As vitaminas pré-natais têm efeitos colaterais?

Muitas mulheres enfrentam os efeitos colaterais das vitaminas pré-natais, que geralmente variam de pessoa para pessoa. Alguns enfrentam náuseas extremas, enquanto podem sofrer de prisão de ventre. Outros efeitos colaterais podem incluir diarreia, dor de estômago, diminuição do apetite, cólicas ou até mesmo alterações na cor das fezes. Recomenda-se comunicar ao médico os efeitos colaterais que a mãe grávida pode estar enfrentando.

Quem mais deve tomar vitaminas pré-natais?

Não é essencial que as únicas mulheres grávidas devam consumir vitaminas pré-natais. Pessoas com dieta desequilibrada, desnutrição ou insuficiência alimentar devem tomar essas vitaminas suplementadas.

Mulheres grávidas com mais de um bebê, que são veganas, fizeram cirurgia para perda de peso, fumam, bebem álcool, abusam de drogas ilícitas e têm deficiência de lactase são aconselhadas a consumir vitaminas.

E se a mãe deixar de tomar uma dose ou se esquecer de tomá-la?

É importante tomar vitaminas pré-natais todos os dias. Mas está tudo bem se a futura mamãe de alguma forma se esquece de consumi-los. Perder vitaminas pré-natais não é grande coisa se a futura mãe consumir uma dieta rica e fibrosa durante a gravidez. No entanto, muitas mulheres pensam que, se perderem a vitamina em um dia, podem consumir dois comprimidos no dia seguinte. Porém, isso não é aconselhável, pois pode ter efeitos colaterais graves.

Para ajudar a aumentar as chances de um bebê saudável, é importante desenvolver hábitos alimentares saudáveis ​​e uma rotina regular de exercícios. O equilíbrio dos dois pode definitivamente ser uma virada de jogo.

(O escritor é ginecologista sênior e especialista em fertilização in vitro, Centro Internacional de Fertilidade.)